domingo, 6 de abril de 2008

Eu Não Sou Eu Nem Sou o Outro


Eu não sou eu nem sou o outro,
Sou qualquer coisa de intermédio:
Pilar da ponte de tédio
Que vai de mim para o Outro.

Mário de Sá Carneiro

1 comentário:

Nada se perde disse...

a dúvida permanente..ou quase sempre permanente!!

*